segunda-feira, 12 de abril de 2010

Pequenos seres indefesos





Não há família, por mais desunida e fria, que resista à chegada de um bebezinho novo. Todas as atenções são chamadas a essa pequena criaturinha, que com toda a sua inocência e pureza, encanta a todos. Dizer que não é gostoso ficar apreciando o sono profundo de um pequeno bebê, é mentira! Eles são coisinhas que nos conseguem fazer rir mais do que qualquer piada, com uma simples gargalhada. Seu olhar é tão cheio de ternura que até nos purificam.
Mas o que eu simplesmente não entendo é como há ser humano (se é que merecem ser chamados de seres humanos) no mundo que tenha a frieza e o coração de pedra o suficiente para abandonar, matar ou judiar de um pinguinho de gente desses. Será que não tem coração? Não vê que eles não tem defesa nenhuma e não podem sair correndo quando se sentem assustados? São serezinhos totalmente dependentes.
Mas você sabe por que Deus os fez sem nenhuma defesa? Simplesmente por que eles devem ter todo o carinho e cautela, todo o aconchego e amor. Alguém que mereça essa dádiva tem de ser humano e capaz o suficiente para criar um bebezinho.

O motivo pelo qual escolhi escrever sobre os bebês, foi a coisa mais fofa desse mundo: o César Henrique.




É ou não é a coisinha mais linda nesse mundo?

Beijos :*

@yasmin_vizeu

2 comentários:

  1. siim é a coisinha mais linda do mundo *-*

    ResponderExcluir
  2. Ele é muitoooo muitoooo Cutii
    *-*
    By:Rooh

    ResponderExcluir

Não leio mentes ainda, então não vou saber o que você achou a menos que comente.