sábado, 28 de agosto de 2010

Típico do ser humano.



__ Era véspera de Natal. Tipicamente americano, esse fim de tarde estava frio e começavam a cair os primeiros flocos de neve, dando uma cor a mais na Times Square. Ali de cima, da sacada do décimo andar do prédio, eu podia ver pessoas cheias de casacos correndo loucamente; já era de se esperar que metade dos nova-iorquinos tenham deixado as compras de Natal para a última hora. Sempre sem tempo para nada; sempre sem tempo para as tradicionais compras natalinas; sempre sem tempo para si mesmos... Típico de Nova York.
__ Olhei para o termômetro, que estava ao lado da janela e ele marcava em torno dos 2ºC, o que era muito frio para um começo de noite. Me dirigi para o sofá e liguei a TV. Corri por vários canais, a maioria noticiando o congestionamento no trânsito, nas filas de supermercados e lojas de brinquedos. A falta do que fazer era tanta, que apanhei o meu casaco e desci para a rua. Ao cruzar a porta do prédio, um vento gelado me cortou. Continuei caminhando, afinal, para algum lugar eu tinha que ir. Realmente estava impossível andar de carro por aquele caminho e mesmo nas calçadas o caos era grande. Andei por 2 quadras e parei em um Café. Estava aparentemente vazio.
__ Entrei e me sentei. Pedi o mesmo de sempre: Capuccino. A bebida estava quente, ótima para me aquecer, já que o frio lá fora era grande. Tomei o café, fazendo restar somente algumas gotas no fundo da xícara. Deixei o dinheiro na mesa e saí; já estava escuro e a decoração natalina deixava a avenida incrivelmente linda. Caminhei lentamente até o meu prédio, subi as escadas e entrei no apartamento, que confesso estar bem mais quente e aconchegante do que na rua. Me dirigi até a sacada novamente; eu simplesmente adorava ficar lá observando do alto aquela cidade imensa. Olhei para baixo e vi algumas crianças, que deviam ser do coral da igreja e que, tradicionalmente peregrinavam por muitas casas de Nova York levando um pouco mais de solidariedade e calor humano nas noites de Natal. Cantavam aquelas músicas natalinas; era bonito de se ver todos cantando impecavelmente em coro. Tipicamente americano.
__ Passei a reparar mais na minha situação. Sozinha, em plena noite de Natal.
__ Solidão... Típico do ser humano.

Beijo e me liga pra contar da sua noite de Natal :*

PS: Mais um texto de pura falta de inspiração ¬¬'
PS2: Comente, deixe a sua marquinha aqui :)

8 comentários:

  1. Sem inspiração? - estas LOUCA?
    Seus textos são criativos, adoro todos!
    E com esse não seria diferente. LINDO!

    (...)
    __ Solidão... Típico do ser humano.

    Beijos, @lalyanjos

    http://anjoslaly.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Adorei, como sempre! auahauahaau
    *---*

    ResponderExcluir
  3. Parabens garota!, muuito lindo, ameii mesmo, FALA SÉRIOOOO VOC TEM MUUUIIITAAAAAAA critiatividade, escritora d mão cheia, com o tempo a gente melhora :)
    beijão flor ^~

    ResponderExcluir
  4. Muito bom!!!
    Muita criatividade,vc escreve muito.
    Parabéns

    ResponderExcluir
  5. Otimo Fds flor ^^
    tem selinho pra voc
    Beeijo

    ResponderExcluir
  6. Ameeeei,
    e seus textos tem muita inspiração #fiquesabendo.rs'
    Amo todos, beijos linda :*

    http://lelyanjos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. AAAH. sim, como eu sempre disse, nada se compara com seus textos néh amor :D tu é foda o/
    beeijo. amo amo ><

    ResponderExcluir

Não leio mentes ainda, então não vou saber o que você achou a menos que comente.