segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Sedentarismo, academia, Facebook e bom senso.



      Que atire a primeira pedra quem, rolando o feed de notícias do Facebook, nunca encontrou um marombeiro postando foto do seu pseudo-tanquinho. Sim, pseudo. Na maioria das vezes nem é lá tão grande coisa assim.
       Embora não pareça, as redes sociais podem ser uma ótima ferramenta... Quando bem utilizadas. Não sei explicar como, quando, onde ou porquê, mas essa onda no pain, no gain está cada vez mais recorrente em qualquer ferramenta na qual seja possível publicar escritos ou fotos. Se você não sabe do que eu estou falando, experimente observar o Facebook ou o Instagram durante o fim da tarde e o começo da noite. Você com certeza vai reparar na enorme quantidade de #partiu academia e de fotos de homens sem camisa e de mulheres com shortinho tão justo e curto que chega a me faltar o ar. Suponho que este seja o horário de pico dos marombeiros; ou se isso não acontece com você, acho que devo rever o tipo de gente que eu mantenho no meu perfil.
          Não vejo problema algum em ser saudável, praticar atividade física e essas coisas que a gente vê toda sexta-feira no Globo Repórter. Mas sabe o que é o mais triste? Posso contar nos dedos (e ainda sobrará dedo) quantas pessoas estão ali, dentro da academia, realmente pela saúde. Teríamos a geração mais saudável já vista se todos os jovens frequentadores dos aparelhos de ginástica estivessem de olho na saúde e não na quantidade de curtidas que a sua foto vai receber.
         Como se tudo isso não bastasse, ainda temos o pessoal que malha o tórax por meses a fio e esquece que tem um par de pernas da cintura para baixo. Com vocês, os homens-coxinha. Sei lá, cada um cuida do seu corpo e sabe o que faz da própria vida, mas pô, cara, já que vai estragar o corpo, estraga direito, né?
       Ainda no meu dicionário sobre ratos de academia, tem os bonecos de posto. Aqueles enfeites de ar, estufados, que ficam balançando para lá e para cá nos postos de combustíveis, sabe? Alguns marombeiros são tão musculosos que dão a impressão de que murchariam caso fossem espetados por uma agulha. Sobre as mulheres, nada que já não estejamos acostumados: aspirantes à panicat.
         Assim como há pessoas que não entendem como conseguem sobreviver os sedentários, eu não entendo que há de tão belo na academia por motivos de: a) você tem que sair da sua casa b) não pode ir de pijama c) é cansativo d) te faz suar como um porco e) você ainda paga por tudo isso. Este último item é o mais grave, na minha opinião. Não estou dizendo que vocês devem parar com os exercícios, passarem aqui em casa para engordar comigo e depois a gente descer a avenida rolando; muito pelo contrário. Só não me encaixo no perfil de quem frequenta esses matadouros lugares e dou graças a Deus por existirem formas alternativas para a prática do exercício físico.
       Se você chegou até aqui, suponho que tenha notado o clube do sedentarismo ao qual a pessoa que aqui vos fala pertence. Ao passo em que há ratos de academia, há ratos de sofá e eu me encontro neste grupo. Apesar de preferir minha cama a um aparelho de musculação, não sou uma gordinha recalcada cujos exames de colesterol estão tão altos quanto a taxa de creatina presente no corpo dos malhadões. Pelo contrário, meus resultados estão bem bonitinhos considerando o estilo de vida que eu levo.
          E assim termino este texto, aguardando os comentários inconvenientes e os chiliques (demonstrados ou não) da galera que curte academia e tem um apego por demonstrar isso. Caso se sintam muito doídos, ainda tem a opção de irem descontar o ódio em algum aparelho de musculação; unam o útil ao agradável, por favor.

Beijos e me liga para combinarmos um x-bacon enquanto assistimos à tv :*

Por pura coincidência ou não, vou usar a nota de rodapé deste post para perguntar se vocês topam uma receita gordinha para o próximo post. Se sim, querem em texto ou em vídeo?

18 comentários:

  1. A cada 10 que estão nas academias, 1 está lá por conta da saúde. Posso estar sendo um pouco exagerada, mas é o que eu vejo. Sinceramente eu prefiro um visita a nutricionista, um controle alimentar e uma caminhada de 30 minutos a tardinha, pesquisas afirmam que perde-se mais peso caminhando à céu aberto que se matando em uma esteira, que é mais agradável pedalar numa bicicleta de verdade do que ficar na ergométrica. O mundo está meio louco e basta rolar o feed de notícias do facebook pra constatar isso.

    ahh faça o post com uma receitinha bem gordinha para o próximo post, com certeza. hahaha

    Beijos, querida.
    eraoutravezamor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Respeito a sua opinião, afinal é o SEU blog, mas acho que do mesmo jeito que tem pessoas que se satisfazem passando o dia em um sofá ou em uma casa, existem pessoas que se satisfazem indo para a academia, passando a tarde admirando seu corpo e o de outras pessoas no espelho, falando de suplementos e coisas do tipo. Não entendo (do fundo do meu pensamento, não entendo) o que tanto incomoda nas pessoas ver que Fulano colocou foto indo pra academia no instagram e/ou facebook. Pra mim deveria causar o mesmo incômodo que causa ver fotos de comida, de bebês, de roupas, sapatos ou de pessoas simplesmente vivendo. É a mesma coisa, só que são pessoas com interesses diferentes e, tendo essa pessoa uma rede social (assim como você tem seu blog e fala sobre aquilo que você quer, por mais vá contra o interesse de outras pessoas) que a permite colocar tudo o que lhe convém, qual o real problema em postar fotos de algo que lhe agrada, no caso, academia?
    Você falou que a maioria dessas pessoas não estão nem ai pra saúde, entretanto, ninguém pode afirmar isso com certeza, sem contar que academia não é só para pessoas que estão precisando de mais saúde, eu, por exemplo, quando frequentei a academia não estava doente nem com problemas físicos, simplesmente queria que meu corpo ficasse mais bonito. E não, não sou marombeira, viciada em acadêmia, nem nada do tipo, na verdade, morro de preguiça de ir malhar, mas entendo perfeitamente que tem pessoas que veem prazer nisso. Assim como muitas pessoas vão à escola, à festas, viagens, piscinas etc e postam fotos desses momentos, muitas também vão à academia e postam fotos desse momento.

    Bom, mais uma vez digo, é com todo o respeito que lhe devo que estou postando isso. Me senti no direito de comentar algo da mesma forma que você se sentiu no direito de fazer um post sobre esse assunto.

    ResponderExcluir
  3. Muito bom o texto. Eu já pensei bastante nesse tipo de coisa. Vez por outra, entro sim numa academia, mas de forma alguma acho super agradável. Por mim, ficaria em casa. Apenas lendo. Mas enfim, né?

    E eu quero em vídeeoooo!! :D

    ResponderExcluir
  4. Geralmente tiro do Feed de Noticias pessoas que ficam postando esse tipo de foto/frase. Acho que vou precisar fazer academia, mas não porque eu quero ficar forte, e sim por um 'problema' que estou na coluna. Mas dói no coração pensar no dinheiro que irei gastar com tudo isso =|

    Beijinhos,
    www.procurei-em-sonhos.com

    ResponderExcluir
  5. Também faço como a Cássia comentou, tiro do Feed de notícias postagens desse gênero e também de outros que não me agradam.
    É claro que não dá para generalizar, até porque conheço gente que precisava fazer academia por problemas na coluna, problemas com de saúde, etc etc. Mas entendi sua visão. O problema não é a pessoa fazer academia, mas sim mostrar todos os dias, com trilhões de fotos a trajetória para ficar malhada na vida. Quer dizer, não é preciso anunciar isso como se fosse um reality show.

    E eu também não sou chegada em academias, e espero nunca precisar. Até porque como tu mesma disse, existem outras alternativas para fazer exercícios e estar com a saúde em dia. Mesmo que ficar estirada no sofá seja infinitamente mais legal, é claro.
    E fora que vamos combinar... Pessoas malhadas demais acabam ficando... Estranhas. Muitas vezes fica algo que não é agradável aos olhos. Mas, isso já vai do que cada um está buscando quando entra numa academia, né?

    Enfim, Yasmin... Voltei pra cá! E caçando os comentários que meus posts antes do meu sumiço tiveram, achei os seus. Gostaria até de respondê-los, mas ficaria um imenso comentário e eu não quero parecer chata.
    E ah, gordices é sempre bom! Acredito que ficaria melhor em vídeo, até porque eu sempre tenho curiosidade em saber a voz das pessoas mesmo, e assim eu descobriria a sua.

    Bem, é isso.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Não tenho nada contra nem a favor de academia, frequento porque preciso. Mas concordo que essas fotos com o #partiu academia etc são um porre.
    Essas pessoas deveriam fortalecer o cérebro antes de querer definir músculos e afins.
    E homens coxinhas pelo menos faz a gente rir deles.

    ResponderExcluir
  7. Sério, não tem como ler teus posts sem ter uma convulsão de tanto rir! Mas o assunto retratado, mesmo que sério, com humor ajuda muito a entrar na cabecinha de gente que já tá cego com bobagens! Boa saúde e "boa forma" sim, mas viver em função só de ter um corpinho violão: NÃO! rs beijos!

    ResponderExcluir
  8. Primeiramente, Yasmin, tô apaixonada por teu blog! <3
    Por favor, seus posts são perfeitos! Ah, concordo com o que você falou aí em cima.
    Sou uma magra de ruimmmm sedentária, que não aguenta uma caminhada daqui pra li, pois logo logo já dá uma dor desviada. Ontem mesmo, participei de uma caminha sustentável com o pessoal do colégio e voltei morta pra casa, sério. Meu Deus, acho que não aguento mais outra dessa!
    Enfim, feed #partiu academia é um verdadeiro porre. O mais chato é porque essas pessoas, geralmente, não fazem por prazer. Mas sim, para causar admiração nas pessoas e até, ganhar umas boas de umas curtidas no instagram. Eu sou muito muito mais à favor de fazer uma consulta à nutricionista e continuar com um acompanhamento médico. Ah, e mais uns exercícios para aumentar a massa corporal, por favor.
    Ok, essa do colesterol é preocupante. Há uns dois anos atrás, eu realmente SOFRI com isso. Não comia chocolate, e tudo de bom (e gorduroso). Não sei como estão hoje, mas tento (juro que tento, mãe!) diminuir a quantidade de besteira hahaha por dia.
    Anyway, estou muito bem e isso é o que importa!

    Beijos ♡
    World Cutest | Twitter do blog | Twitter pessoal

    ResponderExcluir
  9. As pessoas fazem algumas escolhas na vida - infelizmente a futilidade é a mais escolhida - e às vezes fica difícil de as respeitar por isso.
    Você tem razão quando fala sobre a superficialidade de alguns frequentadores de academia e suas ambições por corpo perfeito e cérebro pra depois.
    O problema é que, se tratando de redes sociais, a banalidade não se restringe aos usuários de academia. Tão dispensável quanto um abdomen definido estão os variados pratos de restaurante ou ainda, juras de amor falsas para se salvar um relacionamento.
    Seu ponto é bom e válido, mas também existem outras coisas degradantes na internet que estão no mesmo patamar do seu exemplo.

    Cadê o x-bacon?

    ResponderExcluir
  10. Olha eu tb não tenho saco pra assuntos de regime e academia, apesar de que ultimamente comecei a mudar meus hábitos pois já estava insatisfeita comigo mesma. Mas tudo em nível fanático é um saco, não é saudável, não faz bem. Porém, é a forma que algumas pessoas encontraram de ocupar o tempo e ter prazer (ri dos seus motivos pra não ir a academia, não pode ir de pijama hahahaa).

    Ps: sobre aquele lance de "meditação" , é o nome que eu usei pra essa técnica de neurolinguística (ou PNL, pesquisa no google). É uma forma de direcionar seus pensamentos para coisas positivas, de entrar em contato com vc mesma e reprogramar a mente.
    Pode parecer coisa de doido, mas este fim de semana passei por uma experiência incrível com um grupo isolados em um sítio, e dentre outras coisas maravilhosas que consegui descobrir, andei em brasas e não me queimei! Poder da mente.

    Espero ter esclarecido um pouco e que te ajude também!
    Beijossss

    ResponderExcluir
  11. Oi Yasmin. Já disse que eu adoro teu nome?
    Sinceramente e pessoa que entra na academia valá. Até porque gente acomodada me irrita ("aaown to tão gordaaaa" "vai malhar, porra, para de reclamar ¬¬"). Aquela coisa de "tá não amiga, vc ta linda" n combina cmg não. Tá infeliz muda cacete ¬¬
    Mas tirando isso, pra mim a pessoa começa a malhar já quer comprar suplemento e andar 24 hrs de legging nao é normal ¬¬ só pode n ter cerebro. Até porq cara q só fala em musculo e acadêmia é um saco.
    eu queria fazer apenas porque perco o folego muito facilmente. Subo uma escadinha e já to morrendo :( Mas academia parece ser um saco, então to pensando em voltar a dançar! *-*
    bjbj asmin.

    ResponderExcluir
  12. Se eles estivessem realmente preocupados com saúde não estariam tomando bomba. Acho muuuito engraçado esses franguinho de academia, foi um dia na academia e já começa a estufar o peito e andar com blusa apertadinha. lI um livro uma vez O Clube da Luta que fala numa hora que homem de verdade não precisa ficar fazendo esse tipo de coisa. Eu sou SUPER MEGA sedentária e não me orgulho disso, mas me dá vontade de vomitar esse povo fixurado em academia. Por isso que eu não vou. Ei, eu AMEI de verdade seu blog, seus posts são ótimos.
    Vou passar sempre aqui
    Beijão
    barradosno-baile.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Primeiro: quero a receita pro próximo post.
    Segundo: Li o comentário da pessoa que anônima ali.
    Terceiro: Sempre há a possibilidade de deixar de acompanhar o feed da pessoa em questão. Tem o "deixar de seguir" do Facebook também (prático, não?).
    Quarto: Tem mais a ver com a aparência do que com saúde, nesse caso. Mas, sabe, ouvi dizer que vicia. Então, vira algo necessário? Não sei. Ainda bem que é possível praticar esportes e fazer caminhadas no lugar de ir a academia.
    ::::
    {Emilie Escreve}

    ResponderExcluir
  14. Putz, é isso aí, garota!!!
    Defendendo os ratos de sofá, me recuso a curtir fotos dos marombeiros do face ou de qualquer outra rede social. Confesso que eu já pensei em fazer academia, mas pq eu sou realmente muito sedentária e sinto que isso está me fazendo mal, e exercício físico ajudaria em resolver meu problema de ansiedade. O médico disse que ajuda mesmo. Mas aí vc pergunta: Pq não ao ar livre? Porque minha mamis não deixa, e o pior é que as redondezas daqui são meio perigosas mesmo, e eu não tenho ninguém pra me acompanhar, a não ser minha mãe, que é tão desmotivada quanto eu. Aí eu fico só nas gordurinhas extras mesmo ~~
    Então, sim p/ a ideia da receita gordinha.
    sete-viidas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. P.S.: acabei não fazendo academia por falta de dinheiro no bolso e vergonha que eu tenho de entrar em uma .-.

      Excluir
  15. Adorei seu post e ri bastante,eu já fiz academia e pretendo voltar, porque apesar dos meus exames atualmente estarem ok, eu sou uma gordinha reclamona e preciso emagrecer, mas só emagrecer, acho horrível mulher malhada demais e homem também, gosto dos gordinhos, acho que se tem saúde é o que conta, inclusive no meu Facebook tem um grupinho da proteína, que acorda 5 horas da manhã e posta foto do café da manhã carregado de proteínas, ovo, frango e presunto, logo de manhã, eu quase tenho ânsias ao ver o Facebook e Instagram desse seres e o pior que se acham superiores ao resto da humanidade porque frequentam academia, ódio de gente assim, quer fazer, faça, faça pela saúde, faça pelo corpo e não para se exibir.

    Estandy Books - A Estante Da Andy

    ResponderExcluir
  16. Cadê a receitaaaaaa?
    Adorei o texto, inclusive já fiz academia com apenas a intenção de fazer bem para o meu corpo,minha saúde e, lamentável a situação dessas pessoinhas que fazem apenas para postar fotos hahahah o dó

    ResponderExcluir

Não leio mentes ainda, então não vou saber o que você achou a menos que comente.