domingo, 13 de junho de 2010

Amores de Inverno.

"Você será o príncipe e eu serei a princesa"

Ah, a nossa história. Como eu poderia esquecer? Foi tudo tão bonito, exatamente como eu esperava que fosse. Me recordo tão bem de tudo.
Como se fosse um conto de fadas, eu era a princesa e você, o príncipe. Sentimentos tão concretos e definitivos tomaram conta de mim naquela época. Doce época aquela.
Quando todos os problemas resolveram me atacar, quando tudo parecia fazer questão de dar errado e quando todos me abandonaram você surgiu e recoloriu minha vida. De uma forma que ninguém nunca jamais tinha feito, ou ao menos tentado. É confuso pensar que uma única pessoa foi capaz de recolocar no lugar uma vida que dezenas delas tentaram arruinar. Pois você conseguiu. Como, eu não sei mas sei que foi da melhor e mais amorosa forma possível. Isso foi.
E foi naquele 12 de Junho frio e chuvoso que você contestou o que eu já tinha certeza. Nem que eu queira poderei esquecer disso. Me lembro de tudo, com todas as cores e detalhes. Foi o melhor e mais bonito dia chuvoso que já vi; o sol não fez falta alguma.
Até hoje não descobri onde era aquele lugar, mas era tão lindo. Você me levou até lá, com meus olhos vendados mas confesso que conseguia ver tudo. Não com os olhos, mas com o coração. Quando chegamos e você tirou a venda dos meus olhos, vi aquele lago, quase congelado. Todo aquele verde ao redor de onde estávamos era extremamente semelhante ao de uma cena de um filme do qual não me recordo. Ali nos sentamos e pude sentir o frio do gramado, mas o seu calor logo me esquentou de forma que nenhuma nevasca pudesse abalar. Era aconchegante.
Garanto que aquela grama coberta de sereno era bem mais bonita do que uma paisagem de verão e que o céu nublado era muito mais expressante do que o sol da primavera. Passamos horas ali, mas no seu abraço o tempo passou tão rápido que eu podia jurar que o ponteiro do relógio tinha avançado apenas alguns minutos. Mas somente o "Eu te amo" que você me disse foi capaz de superar toda aquela paisagem e o aconchego dos seus braços.
Você deve estar pensando que um simples 'eu te amo' não tem significado quando comparado à todos os presentes que ganhei de outros namorados. Mas não, você se engana. Um dia você há de descobrir que um verdadeiro 'eu te amo' supera qualquer presente, ainda mais quando a única coisa que você precisa é de um pouco de atenção.
É uma pena que não tenha sido eterno esse nosso amor. Mas foi o melhor e o mais marcante de todos. Por que amores de inverno são mais inesquecíveis do que amores de verão.

Beijos e me liga pra contar do seu amor de inverno :*

PS 1 : Essa história não é real. E quem dera se tivesse acontecido comigo.
PS 2 : Sim, é estranho eu postar sobre 12 de Junho no dia 13... Não tive tempo de postar antes :S
PS 3 : Comente, deixe sua marquinha aqui :)

2 comentários:

Não leio mentes ainda, então não vou saber o que você achou a menos que comente.